Simon Baker Brasil

Seja bem vindo ao nosso forum!

Se você é fã de Simon Baker, esta no lugar certo.

Cadastre-se para ter acesso a todo o conteúdo do site.

Concorrência - (PG-13) - One Shot - 20/05

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Finalizada Concorrência - (PG-13) - One Shot - 20/05

Mensagem por ladymarion em Qui Maio 20, 2010 11:43 pm


Título: Concorrência.
Autor: Giseli Andrade
Shipper: Patrick & Lisbon
Gênero: Romance, comédia
Classificação: PG-13
Capítulos: 1 (one shot)
Completa: [X] Yes [ ] No

**********************************************************************

PROMO:
Patrick Jane chega para trabalhar no escritório da CBI e acaba vendo uma conversa entre Lisbon e Bosco que o deixou muito inquieto.
Após muito analizar....ele decide tomar uma atitude.

**********************************************************************

OUTRAS FANFICTIONS:

* MOONLIGHT:Assassinatos no clube Valens, Segunda chance, Sentimentos ocultos, As voltas com o passado, Ao cair da noite, Revelações, Caçada em Los Angeles ( Crossover Moonlight & Angel ), Segredos Obscuros, Caçada em Los Angeles 2 ( Crossover Moonlight & Angel ), Alianças eternas ( Parceria com Danielle ), Amor verdadeiro ( Parceria com Danielle ), Amigas em Los Angeles ( Parceria com Danielle ), Mudando por você ( Parceria com Danielle ), Amigas em Los Angeles Season 2 ( Parceria com Danielle ) , Eternity( Parceria com Danielle ).

* PRISON BREAK: Justiça cega, Uma última esperança.

* FILMES: Cidade dos Anjos

* ATORES: Alex O´Loughlin ( Encontro inesperado )

* THE MENTALIST: O dia de amanhã

* STARGATE ATLANTIS: O resgate

* BONES: Me perdoa?

* O MUNDO PERDIDO: Perdidamente apaixonados


**********************************************************************

Capítulo 1





Logo pela manhã



Patrick chegava a CBI.
Ele sai do elevador tranquilamente, estava sorridente.
O consultor cumprimentava a todos que via.

Mas o sorriso dele se desfaz ao ver Bosco na sala de Lisbon.
Não gostava muito quando o outro agente ficava tão próximo dela....Patrick podia perceber que eles eram um tanto íntimos, e isso o encomodava cada vez mais.

Patrick estava tão compenetrado em Lisbon e Bosco que nem nota que o elevador estava se abrindo.
Van Pelt, Rigsby e Cho saiam de dentro dele. Eles se cutucavam ao perceber que Jane estava atento a sala de Lisbon.
Eles riam baixinho e viam que Patrick dava pequenos passos, parecendo tentar descobrir o que Lisbon e Bosco tanto conversavam.

Os amigos de Patrick seguiam lentamente atrás dele.

- Vocês querem parar com isso...é ridículo. - sussurra Patrick, ainda olhando para a sala de Lisbon.
Van Pelt sorri sem graça, Rigsby fazia uma careta ao ser descoberto.
- Não mais ridículo do que você espionando Lisbon e Bosco. - diz Cho em irônia, indo se sentar em sua mesa.

Van Pelt e Rigsby não conseguem segurar o riso.

- Eu não estou espionando....só estou curioso. - dizia Patrick, de forma engraçada.
- Para falar a verdade....eu tambem estou. - diz Rigsby, ficando ao lado de Patrick.
- Jane.....eu acho que você esta com medo de que, com a chegada de Bosco você possa acabar perdendo toda a atenção que Lisbon ti dá.... - diz Van Pelt, o provocando e dando um leve cutucão com o braço nas costas dele.
- Lisbon não me dá tanta atenção assim .... - diz ele balançando a cabeça de forma negativa, olhando para Van Pelt.
- Não? - pergunta ela, cruzando os braços e dando um risinho.
- Como Lisbon costuma dizer.....ela só me atura porque........ - comenta Patrick.
- Você fecha casos.... - diz Van Pelt, Rigsby e Cho ao mesmo tempo.

Patrick mexe os ombros e volta a analizar Lisbon e Bosco.

- O que eles tanto conversam hen? - pergunta Rigsby.
- Eu adoraria saber ler lábios... - resmunga Patrick.
- Gente.....olha só, ele tocou no rosto dela. - comenta Van Pelt, ficando ao lado de Patrick.

Cho imediatamente se levanta e se aproxima dos amigos, ficando ao lado de Van Pelt.

- Mas Lisbon se afastou..... - diz Patrick, com um sorriso nos lábios.
- Mas Bosco parece persistente...olha só o jeito como ele olha para ela, e como Lisbon esta sem graça. - dizia Van Pelt.

Os rapazes olham para Van Pelt ao mesmo tempo.

- O que foi? Estou só....analizando a situação. - diz ela, um pouco encabulada em se meter na vida da chefe.
- Ele esta saindo......esta saindo... - dizia Patrick, para que eles disfarçassem.

Os quatro amigos começam a conversar sobre alguns casos que investigaram, enquanto Bosco saía apressado passando por eles.
Os agentes olham para Bosco que estava nervoso ao esperar o elevador.

- Ele parece bravo. - sussurra Van Pelt.
- Essa é a nossa Lisbon... - dizia Patrick, rindo da situação de Bosco.

O elevador se abre, Bosco entra e ao olhar para frente vê os agentes olhando em sua direção.
Rigsby, Patrick, Van Pelt e Cho se viram rapidamente, rindo baixinho.

O grupo de amigos olha para a sala de Lisbon, e ela parecia aborrecida.
A chefe estava de pé próximo a sua mesa, olhando uma pasta de arquivos.

- Lisbon parece chateada, será que não é melhor vermos o que aconteceu? - perguta Rigsby, em um tom curioso.
- Eu não iria lá agora......ela deve estar brava. - dizia Cho, indo de volta a sua mesa.
- Jane.... - dizia Van Pelt, ao ver um sorriso nos lábios do agente ao olhar para a chefe.
- Quer saber....eu vou até lá. - diz Patrick, seguindo rapidamente até a sala de Lisbon.

Rigsby e Van Pelt ficavam lado a lado observando Patrick, enquanto Cho estava mexendo no computador e olhando discretamente para a sala de Lisbon......

Patrick abre a porta da sala de Lisbon, ele vê que ela estava concentrada no arquivo que lia.
Devagar ele entra e fecha porta, andando pé por pé até ela.
Lisbon se vira e dá de cara com ele.

- Jane..... - resmunga ela, ao se assustar.
- Desculpe...você estava tão distraida que nem ouviu eu bater.... - mentia ele.
- Você não bateu.... - dizia ela com uma expressão engraçada.
- Ok....você me pegou, eu não bati..... - dizia ele, erguendo as mãos.

Lisbon balança a cabeça em forma negativa, e leva o arquivo que lia á um armário que ficava do outro lado da sala.

- O que você esta fazendo aqui Jane? - pergunta ela, em um tom despreocupada.
- Bem...é que....vimos que Bosco saiu daqui com uma cara.....parecia furioso.

Lisbon olha para ele imediatamente, fechando o armário com força.

- Vimos? - pergunta ela, o encarando.

Jane sorri e gesticula com as mãos para fora da sala.
Lisbon olha para fora e vê Van Pelt, Rigsby e até mesmo Cho os observando....com um olhar curioso.
Imediatamente os agentes fingem voltam ao seu trabalho.

- Eu não sei do que vocês estão falando.... - dizia Lisbon, passando por Patrick para ir a sua mesa.
- Oh! Lisbon.....qual é? Não vai mentir para mim....
- Jane...isso não é da sua conta. - dizia ela se virando e o encarando.
- Viu.....você esta irritada, mas do que de costume.....o que aconteceu? Sabe que não vou desistir de querer saber até me contar....até porque nós vimos quando ele tocou em você e.... - argumentava Patrick em um tom divertido.
- Ok....ok......se eu disser você vai embora?
- Vou. - dizia ele sorridente.
- Bem, ele me fez uma pergunta.....e......ele não gostou da resposta.... - dizia ela debochada.
- Que pergunta?
- Ah!....Jane....
- Oh!...não....nem tente, não vou sair daqui até me dizer. - dizia ele cruzando os braços, a encarando.
- Esta bem.....você quer saber?....Ele me pediu para que saíssemos juntos... - diz ela, com uma ponta de irritação.
- Mas é contra os regulamentos da CBI.......e você presa tanto isso que .....nossa, as vezes até irrita. - dizia ele, fazendo uma careta engraçada.
- Ha...ha...ha.... - dizia ela pausadamente, fingindo uma risada.
- Acontece que Bosco.....vai ser transferido. - dizia ela de braços cruzados, com um sorriso vitorioso.
- Ah!.....Transferido? Mas por que?
- Ele não me disse....apenas veio me dizer que deixaria o departamento, e perguntou se tinhamos alguma chance...de.......você sabe.... - diz ela gesticulando com a mão direita, um pouco constrangida.
- Agora dá para entender porque ele estava tão nervoso.....Uhhhh! - dizia Patrick, torcendo os lábios.
- O que foi? Até parece que esta com ciúmes..... - dizia ela de forma divertida.
- Quem sabe...... - dizia Patrick, lhe dando uma piscada.

Lisbon dá um pequeno sorriso e ergue as sobrancelhas.

- Pronto....eu já lhe disse.....será que agora você poderia me deixar em paz? - perguntava ela, com um sorriso cínico.
- Er....eu até iria, mas ainda tenho mais uma última pergunta.... - diz ele, coçando a cabeça.
- Jane....vai procurar algo para fazer..... - diz ela, se virando de costas para ir até sua mesa.
- Por que você não aceitou? - pergunta Patrick diretamente.

Lisbon para de andar imediatamente, ela se vira e olha para Patrick.
No lado de fora, Van Pelt e Rigsby se aproximavam de Cho, todos estavam curiosos para saber o que ia acontecer.

- O que? - pergunta Lisbon, tentando desconversar.
- Você entendeu minha pergunta......por que não aceitou essa aproximação? - insiste Patrick, dando alguns passos até ela.
- Por que? Oras....por que....por que...
- Por que?.... - perguntava Patrick, a incentivando a falar.
- Porque eu não estou interessada nele desta forma. - dizia ela, de forma rápida.
- Hun!.....Então você não esta apaixonada? Digo por ele.....ou por qualquer outro. - Perguntava Patrick, a olhando nos olhos.
- Não....eu não estou apaixonada....quer dizer não por ele...e.... - Lisbon para de falar ao ver que estava se atrapalhando toda na explicação, e que Patrick estava com um largo sorriso nos lábios.
- Eu sei o que você esta tentando fazer Jane, querendo me manipular......para dizer coisas que.... - ela para de falar novamente quando Patrick dá mais um passo, ficando muito próximo do rosto da agente.
- Eu não estou ti obrigando...... - dizia ele, em meio a risos.
- Jane..... - dizia ela, aproximando seus lábios dos dele, deixando Patrick confuso.
- Cai.....fora. - dizia ela, dando as costas para ele.

Patrick sorri e decide tomar uma atitude.....

- Não antes de fazer isso.... - diz ele, pegando no braço dela e a virando para sí.
- Jane.... - resmunga Lisbon, ao sentir os braços dele sobre sua cintura.

Patrick olha nos olhos dela, depois desce lentamente para sua boca, Lisbon percebia.......e isso a deixava nervosa.

- Uou!!!! - foi tudo que Lisbon conseguiu dizer quando Patrick a segurou firme, inclinando seu corpo sobre o dela e lhe dando um longo beijo.

Os amigos dos agentes ficaram de boca aberta ao ver a atitude de Patrick.
Lisbon por alguns segundos tentou resistir.....mas a medida que Patrick prolongava aquele beijo, ela desistia de lutar, ao sentir que Lisbon correspondia com carinho ele então volta para sua posição normal a trazendo junto, em seguida separava seus lábios dos dela.

- Aeeeeeeee! - gritava Rigsby.
- Até que em fim.... - dizia Van Pelt emocionada.
- Ele é louco.... - dizia Cho, em meio a risos.

Lisbon olhava para Patrick por alguns minutos tentando entender o que se passou alí, ele continuava com as mãos na cintura dela, enquanto ela tocava lentamente o peito dele. A agente só volta a pensar com clareza quando vê a agitação de seus amigos pelo lado de fora da sala.....ela rapidamente olha para Jane atordoada.

- Jane....
- Oh! Não resmungue.....não acabe com um belo momento. - diz ele, lhe dando um outro selinho para depois solta-la.
- Mas....o que....
- Shhhh!. Não precisa dizer nada.....eu tambem sou apaixonado por você. - dizia ele, em sussurros.

Lisbon ficou confusa e feliz ao mesmo tempo.

- Sabe....devia sorrir assim mais vezes, fica tão linda... - dizia acariciando o rosto dela.

Lisbon abre a boca para falar algo, mas Jane dá alguns passos para trás seguindo até a porta da sala.
Antes de sair, o consultor olha para ela novamente.

- Lisbon.....jantar hoje as 21:00....
- Jane...
- Não se atrase.....eu estarei pontualmente na porta da sua casa. - dizia ele, com um sorriso sedutor.
- Quem disse que eu vou? - pergunta ela, cruzando os braços.....um pouco irritada.
- Ah! Você vai.....tenho certeza, ainda mais depois do que senti nesse beijo que trocamos....você gosta de mim tanto quanto eu de você.....não vou deixa-la fugir disso. - diz ele sorrindo fechando a porta da sala dela.

Lisbon fica sem ação.
Ela olha para o lado de fora e vê Cho, Rigsby e Van Pelt cumprimentando e abraçando Jane.

Lisbon vai até a janela e fecha as persianas.....ela segue até a mesa e se senta na cadeira lentamente.
A agente sorri ao tocar os lábios com sua mão direita, se lembrando do beijo que Patrick deu nela.



FIM
avatar
ladymarion
Amiga Íntima do Simon
Amiga Íntima do Simon

Mensagens : 27
Macaco Feminino

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum